Entendendo os ateus, e explicando-lhes a fé cristã. Parte 1




Já faz muitos anos que sempre que há oportunidades converso com pessoas ateias, eu sempre quis entender o porquê de eles não crerem em Deus. Estou lendo um livro a respeito da pessoa histórica de Jesus, é um livro que realmente me surpreendeu, tanto com seu conteúdo quanto a posição pessoal do autor em relação a suas crenças, ou melhor dizendo não-crenças, ele mostra no livro muitas evidências históricas de que Jesus existiu de fato (apesar de não concordar com todo o livro), ele, historiador sabe muito bem como chegar a convencer a uma pessoa, que realmente deixa os que não creem no Jesus histórico com uma"coceirinha na cabeça" (dúvidas) em especial os misticistas... Mas, não é sobre o livro ou o autor que quero falar, porém, o que me intrigou foi ele ter dito "sou agnóstico com inclinações teístas" e disse também "ainda que Ele exista (o divino) ou não isso não mudaria nada em minha vida", eu criei um profundo respeito por ele, apesar de suas posições pessoais, ele contudo, defende com veemência o Jesus histórico.
Mas porque citei ele e seu livro? Bom, poderia citar outros, sim claro, mas o que mais me surpreendeu foi algo que me chamou a atenção, as perguntas dele. Todos os ateus e agnósticos que conheço fazem essas mesmas perguntas; "se Deus existe porque o mal existe?", "se Deus existe porque Ele não se apresenta?", me surpreendi com essas perguntas pelo simples fato de no livro, o autor fazer exatamente essas perguntas, sempre pensei que pessoas de não-crenças com um conhecimento elevado (diferente dos ateus e agnósticos que conheço que possuem o básico no quesito conhecimento, "conhecem um pouco disso ou daquilo" para apenas permanecerem inerte) um homem que tendo o conhecimento que tem, tendo a influência que tem, tem as mesmas perguntas de um menino que virou ateu ou agnóstico ontem.
Isso talves prove uma coisa, ateus meninos ou homens (tendo conhecimento ou não) fazem perguntas filosóficas como essas porque nunca no seu íntimo, de verdade deixaram de crer em Deus, apenas preferem viver da sua forma, seu jeito, "seu estilo", vou explicar:
° Um cristão verdadeiro: Tem que negar a si mesmo: Caráter (não estou dizendo que todos os ateus tem mal caráter, mas como ser humano ateu ou não, tem defeitos, e cristãos todos os dias tem que procurar com veemência mudar isso, procurar ser perfeito.
° Tem que, todos os dias procurar crescer na fé.
° Procurar ser santo: Santificação do corpo, procurar guardar-se, procurar santificar a mente etc.
° Os ateus: Em suma, ficam livres de tudo o que foi citado acima.
Você percebeu? Crer em Deus é algo que exige muito de nós, muito.
Porque um cristão crê?
A fé não pode ser subjugada ao nosso raciocínio lógico. Para crer é preciso primeiro negar a si mesmo. Assim como ninguém nasce gay, ninguém nasce ateu. Então todos nascem crendo? Crer é uma escolha. Explicando o ponto de vista do "crer", cremos por influência familiar ou de outros grupos sociais. E também por que crer em alguém, é algo que há dentro do ser humano, independente do que ele crer, isso já faz parte de nós. Como posso afirmar isso? A ideia de que precisamos de um ser divino (ou mais seres "divinos") faz parte do ser humano desde de a antiguidade, desde de sempre, quer seja monoteísta, politeísta, deísta  e tantas outras formas de crer em alguém foi algo que sempre existu, é só olhar para trás, para a história, claro, sempre existiu pessoas não-crentes, mas com certeza as perguntas dos mesmos não seriam diferentes.
Crer em Deus é algo que nem todos conseguem, por que a fé como disse, não pode ser subjugada ao nosso raciocínio lógico, caso fosse, curas, visões, manifestações espirituais etc não poderiam ser presenciadas no meio cristão. Eu por exemplo tenho o dom da visão (visão espiritual) o que eu já vi? Ha, não queira saber. Se o que eu já vi, não foi real, acho que minha cama aqui no hospício não está tão confortável, brincadeiras a parte. Acho que também se quer estaria aqui, e sim morta, porque também já fui curada.
Mas, a resposta para esta pergunta é: o cristão verdadeiro crê porque ama a Deus, ama a Jesus, ama ao Espírito Santo (só se ama alguém, obtendo um relacionamento com ele) por isso posso dizer; Jesus eu te amo!!
Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem. Hebreus 11:1

Próxima parte responderei as perguntas feitas pelo o autor do livro.

O nome do livro é: "Jesus existiu, ou não?" Baixe na Play Store.

Estudo feito por: Kátia Pereira, cristã protestante, 20 anos. Pretende se forma em teologia e quem sabe depois psicologia. E Deus a disse que ela seria levita, Ele disse: "você será Minha levita".

Entendendo os ateus, e explicando-lhes a fé cristã. Parte 1 Entendendo os ateus, e explicando-lhes a fé cristã. Parte 1 Reviewed by Katia Pereira on 11:47 Rating: 5

Um comentário:

Pergunte, critique, elogie (honras e glórias a Deus). Deus lhe abençoe!

Tecnologia do Blogger.