Pastores administradores de almas ou dinheiro?


O chamado para pastorar vai além da vida de quem foi convocado por Deus. Suas maiores responsabilidades tendem a ter relação com a igreja. O chamado do pastor é diferente, porque é sim "uma profissão" divina, digna de recebimento de salário.

Mas a grande dificuldade dos pastores da atualidade, tem sido  co-relacionar capitalismo e a espiritualidade. Não pode-se negar que a igreja em si, vista como uma instituição, tem custos altos para se manter. Mas também não pode-se esquecer da função principal da igreja: adoração, restauração e acompanhamento das almas que foram resgatadas. Assim como a estrutura da igreja precisa de ajustes, as almas que ali estão também precisam, e muitas vezes não podem caminhar sozinhas, precisam que o pastor faça a sua função segundo a palavra de Deus:

"Portanto assim diz o Senhor Deus de Israel, contra os pastores que apascentam o meu povo: Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e não as visitas-tes; eis que visitarei sobre vós a maldade das vossas ações, diz o Senhor. Jeremias 23:2

Neste trecho, ainda no velho testamento, Deus mostra a sua indignação para com os pastores que maltrataram e não acompanharam as ovelhas no caminhar espiritual "Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e não as visitas-tes;". 

Tenho visto pastores muito preocupados com a estrutura da igreja. Pagar contas aumentar o templo, comprar um púlpito novo, tem sido a prioridade, fazendo das campanhas uma ferramenta de arrecadação. As campanhas são válidas, fazem prova de Deus, mas lembrem-se, "Nem só de pão o homem viverá", tem que saber dosar os momentos, deixar Deus nos usar e não as circunstâncias, não se pode fazer as coisas de Deus só por fazer, tem que haver um comando do Espirito Santo.

É de extrema importância orar, jejuar saber o que se passa na igreja, mas também é importante ir até a casa das pessoas, recebe-las em sua casa e ser transparente, fazê-las participantes da sua vida. Lendo isto parece óbvio o que vos escrevo, mas na prática está sendo assim? Faça esta reflexão, a teoria e prática tem que estar lado a lado.

Algumas igrejas adotam o sistema da visão celular, baseado simbolicamente nos 12 discípulos de Jesus, o que ajuda as igrejas maiores, mas não necessariamente desencarrega o pastor/apóstolo da sua função de apascentar.

O próprio Deus falou: "E eu mesmo recolherei o restante das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão.
E levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e nunca mais temerão, nem se assombrarão, e nem uma delas faltará, diz o Senhor."
Jeremias 23:3,4

Imagina o quão constrangedor se o seu chefe toma da sua mão o trabalho que era para ser feito por você? Deus é exigente ele não brinca de ser Deus, e o diabo não brinca de ser Diabo, qualquer deslize de conduta, pode significar mais uma alma perdida, e você dará conta disso.

Cuide para que não se torne um mero administrador de finanças ou publicitário espiritual, pense primeiro para que você foi chamado, conserve as ovelhas antes de ir em busca de novas, cuide para que tenha quantidade mas também qualidade de vida espiritual na sua congregação, não titule cargos de evangelistas apenas por status, afinal todos foram chamados para fazer o "IDE", prepare as suas as ovelhas para caminhar com as próprias pernas.

Quanto as ovelhas o pastor nada mais é um do que um pai e referência espiritual, mas também não se pode esquecer de que ele antes disso é homem, e pode vir a falhar tanto quanto nós. Qualquer tipo de idolatria é condenada por Deus, por que a ele é pertencente toda honra e glória. Se o pastor falha, foi o pastor que falhou, e não Deus, pois Deus não falha e nada justifica quando alguém desvia dos caminhos celestiais. Que o Espirito Santo vos oriente onde for chamado, Deus há de estar contigo, não temas por que se ele te chamou, ele irá te capacitar. Paz e graça.

Referência indicada: Jeremias 23


Pastores administradores de almas ou dinheiro? Pastores administradores de almas ou dinheiro? Reviewed by Vinícius Oliveira on 08:31 Rating: 5

Um comentário:

  1. Hoje a igreja evangélica não é vista com tanta credibilidade, pois administradores de $$$$ acabam não mostrando a humildade de Jesus e sim o que Ele pode nos dar, Não é pregado às pessoas para negar a si mesmo, que o caminho do Senhor é estreio, e sim é pregado o que Jesus pode fazer para o benefício próprio delas.

    ResponderExcluir

Pergunte, critique, elogie (honras e glórias a Deus). Deus lhe abençoe!

Tecnologia do Blogger.