Ana, um exemplo de fidelidade


Expressar fidelidade em palavras, em momentos bons é muito fácil, mas viver o que dizemos nos prova como verdadeiros ou não.
Ao aceitarmos a Cristo temos a imagem de um Deus que tudo nos pode dar. Deus que pagará nossas dívidas, Deus que repara repara casamentos, Deus que cura. Esquecemos que ele vai muito além disso, a nossa visão de Deus é a visão de um Deus que é servo, nosso servo, o que ele não é. Deus faz faz tudo isso sim, e é um Deus de milagre, mas nós é que somos servos, nós é que devemos dar a ele toda honra e glória porque ele nos salvou, e nos deu o maior presente de todos, a salvação.

Antes de começar, sugiro que leiam o primeiro capítulo do livro de 1Samuel, para entender melhor a história de Ana.

Ana era uma mulher desonrada por ser estéril, uma moça pobre, que era constantemente humilhada, ia a igreja uma vez por ano,  em Siló, como era o costume da época, e nada levava de oferta, pois somente a sua vida tinha para enregar a Deus. Seu marido Elcana, tinha outra mulher chamada Fenena, quando um homem tinha sua primeira mulher estéril, ele tinha o direito de escolher outra para dar continuidade a sua geração.

Porém a mulher que Elcana, homem fiel a Deus, escolhera Fenena (Penina), que não era temente a Deus, uma mulher carnal que se aproveitou da lei da época, e conseguiu tudo sem nenhum esforço. Enquanto Ana, que orava e jejuava a Deus de todo o coração, mesmo em suas dificuldades, e sem nada a conquistar estava ali estéril, desonrada e humilhada por sua rival.

1Samuel 1:6:7 "A sua rival também a irritava, humilhando-a, porque Iahweh tinha fechado seu seio. E assim fazia Elcana todos os anos, sempre que eles subiam ao templo de Iahweh; Fenena a ofendia." (Tradução Bíblia de Jerusalém) 

Mas Ana continuou a adorar a Deus e sem murmurar permaneceu fiel, ela não usou a benção como uma moeda de troca para adorar a Deus, ela pedia, mas com um coração forte e sincero.
Embora não tivesse o que a sua rival tinha, e aos olhos carnais ser menor do que ela, Ana tinha algo que superava todo o tesouro da Terra e céus, tudo que ela precisava já estava com ela, a presença de Deus. Isso Fenena não podia acessar por atalho ou brecha de lei alguma. E com esse espírito de fidelidade Ana orou, Ana tinha fé e conhecia o seu Deus, e pediu em oração o seu filho:

1Samuel 1:9-11 Depois que comeram e beberam, Ana se levantou. O sacerdote Eli estava sentado em sua cadeira, no limiar da porta do santuário de Iahweh. Na amargura  de sua alma, ela orou e a Iahweh e chorou muito. E fez um voto dizendo: Iahweh dos Exércitos, se quiseres dar atenção à humilhação da tua serva e te lembrares de mim, e não te esqueceres da tua serva e lhe deres um filho homem, então eu o consagrarei a Iahweh por todos os dias da sua vida, e a navalha não passará sobre a tua cabeça."

E mesmo orando, no verso 12 do mesmo capítulo, Eli a julgou, achando que estivesse bêbada, ela então teve de se justificar ao mesmo.

Então Elcana tomou Ana para si, e ela engravidou, e concebeu o filho no tempo devido. cumpriu o seu voto com Deus, deu o nome do filho de Samuel, (que significa “Nome de Deus” ou 'Deus ouve' ) que ao ser desmamado foi entregue ao senhor junto com uma oferta de um novilho.

Depois de ser fiel a Deus, e ignorando tudo que havia passado, Ana deu a luz ao maior juiz da história de Israel. E quão grande foi a benção de Ana, que não precisou encurralar a Deus ou se afastar dos caminhos por vingança ao criador. Pois ela sabia que sem Deus nada seria e nada haveria de conquistar.

A história, deixa claro o quão ingrata é esta geração, que recusa um Deus que nos ama em todas situações mesmo quando não somos dignos dele, que nos dá livramentos que por sermos livrados é impossível ver.

Antes de de murmurar e dizer que a sua vida anda ruim, adore; pois se não passar desta fase em sua vida espiritual, certamente não passará pela porta do céu.
Em 1Samuel capítulo 2, Ana cantou em agradecimento ao senhor, declarando todo seu amor e gratidão a ele.




Cursos 24 Horas

                                                               Cursos On-line 24 Horas                                         



Ana, um exemplo de fidelidade Ana, um exemplo de fidelidade Reviewed by Vinícius Oliveira on 17:29 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pergunte, critique, elogie (honras e glórias a Deus). Deus lhe abençoe!

Tecnologia do Blogger.