A dor em ver sua família caminhar para o inferno.



Neste dias onde tudo parece normal, onde tudo é liberado, sem culpa, algumas pessoas ainda insistem em se preocupar, angustiar-se pela verdade de que sua família está a um passo do inferno. Sempre que falo do inferno, falo que a pior coisa de lá será de nunca poder ver Deus. Ver Deus, é o sonho de todo aquele que acredita nEle veementemente, com todas as forças. Acredito em Deus, mas isso nem sempre é o suficiente, as pessoas deste século não estão se preocupando muito com o destino final delas. Elas passam horas em frente a TV, em frente ao celular também... Há também em nosso meio "cristão", pessoas que só carregam este título, deixam de fazer algumas coisas que faziam antes, procuram melhorar em alguns aspectos do seu carácter, e isto as torna cristãs, bom, não é bem assim, não vejo Paulo, enfatizando muito sobre o que fizera antes de Cristo, o testemunho é importante, mas não é só isso, não é. Doí ver pessoas a um passo do inferno, digo: "um passo" por que: "para morrer, basta estar vivo" (ditado popular). Passei muito tempo pensando que falar de Cristo, seria suficiente para as pessoas olhassem para a Cruz e se convertessem. Mas nem todos são assim, uns demoram anos, outros só no ultimo respirar, dizem: sim, a Deus. Você pode passar uma vida toda preocupado com a salvação de alguém, e esta ainda sim, morrer sem Cristo. Por que não é o falar apenas, e sim o orar. Mas quem disse que é fácil orar por pessoas, que por muitas vezes, humilham-nos, nos ignoram, nos abandona, nos entristece. Não é nada fácil, "amar ao próximo como a si mesmo", requer esvaziamento do ego. Pessoas nas quais você morreria, sem pensar duas vezes, estão à frente da TV, como se nada a mais existisse. Eu louvo a Deus, pelo bem que me deu; o entendimento do todo. Pude olhar com os olhos de Deus essa atmosfera repleta de trevas, pude sentir com o Seu coração a dor que sente um Pai, ao perder um filho (aqui, no caso, para sempre, por toda a eternidade).

Vamos lá, vamos para a igreja, dar uns glórias e uns aleluias, esse é o nosso culto? Um Deus tão poderoso merece mais, mas nem sempre estamos cheios dEle para dar-Lhe o que é merecido. Isso não doí em você? Estar tão vazio, ou estar num meio termo; nem frio nem quente. Imagine agora, estas pessoas que nem consciência disso têm, elas não sabem, não conhecem a Deus, não têm ideia do Seu poder, e vivem como se Ele não existisse. O meus pecados gritam dentro de mim, como se minha alma estivesse numa agonia profunda, eu sinto a dor dos meus pecados, sempre que "olho" pra Deus, pro que Ele é. Não quero me tornar repetitiva, usaria outros sinônimos, mas não há outra palavra que determine melhor o que sinto; dor.


Por muito tempo acreditei no "poder" de falar de Jesus (apenas falar), e logo após a conversão genuína, mas isso não funciona com todos, o Espírito Santo pode lhe usar para falar com um ateu, e o mesmo se converter genuinamente ali mesmo, ajoelhar-se onde está e chorar amargamente por seus pecados. Ou você pode pregar para um "filho de crente" na rua, e o mesmo não dar a mínima. O melhor método em todos os casos é a oração.

Mas, novamente lhe pergunto, estás disposto a orar, jejuar e renunciar muitas coisas por causa de vidas que não se importam nenhum pouco com o que profundamente irás fazer por elas?
Seus joelhos irão ficar pretos, se você for vaidoso (a), ficarás com olheiras, rugas virão "antes do tempo".E mais do que isso, o inferno em peso pleno estará sobre você. Mas em meio a tudo isso, as consolações do Espírito (2 Coríntios 13:13) será sobremodo abundante, que gemer por eles, se tornará um prazer, pois estar com Ele, será a maior consolação que o cristão-guerreiro pode receber, mas as aflições serão constantes. Não estou tentando te desanimar a orar por seus familiares (orar profundamente), mas sendo realista.  A intercessão é um dos pontos da oração mais difíceis.

Boa sorte, melhor, boa luta!

Kátia Pereira, Blog Evangélico.









A dor em ver sua família caminhar para o inferno. A dor em ver sua família caminhar para o inferno. Reviewed by Katia Pereira on 17:22 Rating: 5

Um comentário:

  1. De fato, as pessoas hoje estão sem limites. Cabe aos que estão na fé usar todas as armas possíveis para libertar seus familiares.
    Graça e paz.

    ResponderExcluir

Pergunte, critique, elogie (honras e glórias a Deus). Deus lhe abençoe!

Tecnologia do Blogger.